Mulher deitada fazendo terapia com psicóloga - Marketing Digital para Psicólogos

Psicólogo, aprenda a conquistar novos pacientes usando o marketing digital

Marketing Digital para Psicólogos e terapeutas não precisa ser um bicho de sete cabeças. Vamos te mostrar os principais caminhos e estratégias necessárias para obter sucesso e conquistar novos pacientes.

Deixe-nos adivinhar. Você decidiu abrir seu próprio consultório de psicologia e está ansioso para ter mais pacientes entrando pela porta e voltando toda semana.

Tudo é possível se você decidir aplicar as estratégias que propomos neste post. Boa leitura!

Marketing Digital para Psicólogos

O aumento da conscientização sobre os problemas de saúde mental tem ajudado a aumentar o número de pacientes no setor e a demanda por serviços de psicologia tem se mantido elevada nos últimos anos, o que significa que existe uma oportunidade de impulsionar e fazer crescer o seu negócio.

Ao aplicar as estratégias de marketing adequadas, é possível reduzir as incertezas do mercado e fazer com que novos pacientes apareçam todos os dias marcando uma sessão de psicoterapia. Bem como, na fidelização dos mesmos. Quer saber quais estratégias de marketing para psicólogos são mais eficazes? Vamos lá!

Google Ads

Sabemos que da sua necessidade de que as pessoas em sua área de localização te encontrem quando pesquisarem online os serviços que você oferece. Afinal, de que serve um ótimo site se ninguém nunca o vê?

Uma das coisas mais frustrantes sobre uma nova página é que leva tempo para os mecanismos de pesquisa localizá-la, entendê-la e começar a recomendá-la no que chamamos de resultados de pesquisa orgânicos.

Embora a otimização desses mecanismos seja realmente poderosa quando começa a funcionar, e se você não tiver tempo para esperar? Anunciar no Google é a maneira mais rápida de colocar seu site no topo da página de resultados de pesquisa.

Como funciona o Google Ads?

Google Ads para Psicólogos Imagem de um celular com Google Maps
Com ajuda da Geolocalização e Google Maps é possível segmentar sua campanha

O Google Ads é a plataforma de publicidade do Google que funciona em um sistema de pagamento por clique, permitindo que empresas, incluindo clínicas ou escritórios de psicologia, como o seu, anunciem diretamente para pacientes em potencial.

Por exemplo, digamos que você esteja em Salvador e seja especialista em trabalhar com crianças e adolescentes. Por meio do Google Ads, será possível exibir um anúncio da sua clínica no exato momento em que alguém pesquisar a palavra-chave “terapia para crianças e adolescentes em Salvador” na parte superior da página de resultados do mecanismo de pesquisa. Está claro até agora?

Quando uma dessas pessoas clicar em seu anúncio, você pagará ao Google uma pequena taxa para que ela seja direcionada para a página de especialidade de Terapia para Criança e Adolescente do seu site.

É possível, ainda, informar ao Google quanto esses cliques valem, para controlar os investimentos e garantir os lucros. Quando configurado corretamente, o Google Ads pode ser extremamente poderoso porque te possibilita mostrar o anúncio diretamente para seu paciente ideal.

Planejamento

Exponha todos os seus objetivos e expectativas. Aqui estão algumas perguntas que você deve fazer a si mesmo para ajudá-lo a entrar no caminho certo. Respondê-las com antecedência ajudará a minimizar os riscos e maximizar suas chances de criar uma campanha de sucesso.

  • Quais serviços especializados irei anunciar?
  • Quem é meu público-alvo?
  • Qual é o valor médio da vida útil de um novo paciente?
  • Quanto estou disposto a pagar para adquiri-lo?

Inicie sua campanha

Para começar a exibir o Google Ads, é necessário se inscrever em uma conta gratuita. Depois de fazer login, é hora de criar sua primeira campanha. A plataforma tem duas redes de publicidade diferentes: Pesquisa e Display.

Para simplificar neste momento inicial, recomendamos anunciar na rede de pesquisa – que é exibida nas páginas de resultados dos mecanismos de pesquisa – em vez da Rede de display, que é exibida ao lado de outros sites como YouTube, blogs e até mesmo sua própria caixa de entrada de e-mail.

Embora a Rede Display tática possa funcionar bem para empresas de comércio eletrônico, as chances de alguém clicar em seu anúncio de terapia enquanto navega casualmente na internet são baixas.

De modo geral, os mecanismos de pesquisa serão o melhor lugar para os psicólogos anunciarem, porque dessa maneira é possível alcançar as pessoas exatamente quando elas procuram este serviço.

Alguém que pesquisa “terapia de casal” no Google está definitivamente interessado nessa atividade. No entanto, quem rola aleatoriamente seu anúncio enquanto navega em outro site pode não ter o menor interesse.

Basicamente, o Google Ads funciona como um leilão. Se você e seu concorrente quiserem aparecer para uma determinada frase de pesquisa (ou palavra-chave), o Google verificará quanto cada um de vocês está disposto a pagar por clique e dará prioridade para aquele que estiver disposto a investir mais.

Para saber mais sobre o Google Ads, clique aqui.

Marketing de conteúdo 

Ilustração de Mulher segurando placa na frente de elementos gráficos de marketing digital
Uma das melhores maneiras de fazer marketing digital para psicólogos é produzir bons conteúdos

Se o seu escritório ou clínica de psicologia ainda não tem um site, é hora de contratar um desenvolvedor para ajudá-lo a construir sua presença online, e não dizemos isso apenas porque – de acordo com uma pesquisa GoDaddy, 83% das PMEs que têm um site sentem que têm uma vantagem competitiva sobre aqueles que não têm um.

A verdade é que o site é um canal poderoso para dar visibilidade às atividades, que também servirá de base para desenvolver suas estratégias de Inbound Marketing.

Você sabia que, de acordo com uma pesquisa da Ascend2, 72% dos profissionais de marketing afirmam que a criação de conteúdo relevante foi a tática de SEO mais eficaz?

Marketing Digital para psicólogos: melhores estratégias

Aqui estão algumas ideias para você criar uma estratégia de conteúdo referente ao seu site para melhorar seu posicionamento de SEO, atrair visitantes relevantes e capturar leads – dados de contato de usuários interessados ​​em sua terapia.

Integre um blog em seu site corporativo e publique conteúdo valioso para seus pacientes. Quando dizemos, nos referimos a conteúdo não comercial, que se concentra em satisfazer os interesses e preocupações dos leads.

Cada postagem no blog será uma nova página que os mecanismos de busca podem indexar – fator que contribui para melhorar o posicionamento de SEO do seu site. Por que?

Porque as empresas que postam no blog recebem 97% a mais de links apontando para seu site. Se o seu conteúdo for de qualidade e fornecer informações de grande valor, será mais provável que seja compartilhado por outras pessoas.

Além disso, cada vez que um site oficial adiciona um link apontando para o seu blog ou qualquer uma das suas páginas, o SEO do seu site vai melhorar – e seus pacientes em potencial irão encontrá-lo mais facilmente no Google.

Escolha as palavras-chave certas

As palavras-chave são aquelas que os seus potenciais clientes utilizam para o encontrar quando realizam uma pesquisa no Google e um dos principais fatores que determinam o posicionamento do seu site para uma determinada pesquisa. É sobre você se colocar no lugar do seu paciente ideal e pensar sobre o que ele escreveria no Google para encontrar seus serviços ou informações sobre psicologia.

Entre as palavras-chave finais que você decidir, escolha aquelas que têm menor concorrência e maior volume de buscas – é possível obter esses dados com ferramentas como SEMrush ou o planejador de palavras-chave do Google Ads.

Posicione elas estrategicamente no conteúdo do seu site e nas postagens do seu blog. Para que o Google mostre sua página da web quando alguém pesquisar com as palavras-chave que você escolheu, é necessário se certificar de que elas estejam presentes principalmente nos seguintes locais: títulos, legendas, primeiro parágrafo da página ou postagem, snippets das URLs, nas tags “alt” das imagens e na meta descrição – o resumo que é mostrado quando aparece em uma página de resultados do Google.

Crie posts em blogs de psicologia

Mulher oriental sorridente sentada escrevendo
Contribuir para blogs de psicologia ajudará a levar sua clínica ao topo do ranking de pesquisa

Esta é mais uma forma de obter links de qualidade que apontem para o seu site e, com isso, ajudar a melhorar o seu posicionamento. Em primeiro lugar, trata-se de encontrar blogs ou sites sobre psicologia ou saúde que aceitem colaborações.

Para fazer isso, você pode pesquisar no Google usando as seguintes fórmulas: “colaborador de blog de psicologia”, “colaborar em blog de psicologia”, “colaborar com psicologia” ou “a palavra-chave que você escolher + as fórmulas anteriores”.

Depois de compilar uma lista de blogs em potencial, dedique-se a compartilhar suas postagens em suas plataformas de mídia social, mencionando-os e deixando comentários em suas postagens para que eles olhem para você.

Em seguida, escreva uma postagem de acordo com o tópico – certificando-se de incluir um link para o seu site – e envie um e-mail para fazer a proposta. Depois disso, continue compartilhando suas postagens e deixando comentários no blog deles para que eles lembrem e concluam a publicação de sua postagem.

Nossa dica: é importante tomar cuidado para não exagerar e aborrecer o responsável pela página e os leitores com excesso de mensagens.

Divulgação em alta

Use as mídias sociais para divulgar o conteúdo que você postar em seu blog. Ele é uma fonte de conteúdo relevante para suas plataformas sociais e também é uma boa maneira de gerar mais links e tráfego para seu site, graças ao seu potencial de viralização: os seguidores podem compartilhar ou retuitar suas publicações.

Dentre as plataformas de mídia social nas quais você está presente, lembre-se que Facebook, Twitter, LinkedIn são as mais adequadas para compartilhar suas postagens, pois permitem adicionar links.

Marketing em vídeos

De acordo com publicação do Hubspot, 81% das pessoas já decidiram comprar um produto ou contratar um serviço assistindo ao vídeo de uma marca. Além disso, 76% dos profissionais de marketing afirmam que o vídeo os ajudou a aumentarem as vendas.

Se você se sentir confortável falando para uma câmera, nós o desafiamos a gravar a si mesmo, oferecendo vídeos de autoajuda e conselhos gerais sobre os problemas com os quais você lida em seu consultório de psicologia – será necessário apenas uma câmera, um tripé e um simples editor de vídeo.

É possível hospedá-los em plataformas como YouTube ou Vimeo e compartilhar no site e nas mídias sociais. Desta forma, se torna possível criar uma conexão muito mais profunda com seu público e seus potenciais pacientes se sentirão mais confiantes na hora de solicitar seus serviços, pois, se o virem pela tela, poderão ter uma ideia de como você é e o que você pode oferecer para eles.

Ofereça consultas online

Homem fazendo terapia on-line
Existem várias vantagens em fazer terapia online. Que tal divulgá-las para seu público?

Várias plataformas oferecem um serviço de videochamada gratuito, como Skype, Google Meeting, Zoom ou Whatsapp, dentre outros.

Essas chamadas de vídeo permitem quebrar as barreiras do espaço e do tempo e entrar em contato com seus pacientes, onde quer que estejam. Portanto, sua localização não será mais um fator decisivo para que seus potenciais clientes contratem seus serviços.

Um estudo universitário mostra que a psicoterapia via internet é tão ou mais eficaz do que a terapia presencial convencional. Por que isso acontece?

Nessa modalidade de atendimento, os pacientes ficam menos intimidados e mais receptivos do que nas sessões presenciais, o que permite que sejam mais honestos, possibilitando, assim, que o processo de terapia seja ainda mais bem sucedido.

Maiores benefícios 

A possibilidade de expandir o raio de atividade para outras localidades geográficas e ainda abranger regiões remotas ou de difícil acesso;
Mais conforto para seus pacientes, já que eles não terão que se mover.

Expansão de público: será possível alcançar aquelas pessoas relutantes, que querem manter a discrição, como adolescentes, por exemplo. E também para aqueles que apresentam dificuldades para comparecer às consultas no horário comercial comum;

Seus pacientes poderão acessar suas consultas de uma forma mais usual. O número de faltas às sessões online é muito menor do que às sessões presenciais.

Email marketing para fidelizar o paciente

De acordo com um estudo da eMarketer, 80% dos profissionais consideram que o email marketing é sua principal força para a retenção de clientes. É um canal que permite a comunicação direta e personalizada com seus pacientes.

Por esse motivo, um dos principais objetivos de qualquer estratégia de marketing de conteúdo é gerar leads – obter as informações de contato, geralmente o nome e o endereço de e-mail, de usuários interessados ​​no conteúdo ou na atividade de uma empresa.

Conteúdo

Uma excelente maneira de conseguir isso é criar um lead magnet, ou seja, oferecendo um conteúdo – seja um guia, um e-book, um podcast ou um vídeo exclusivo – que seja muito útil para seus clientes em potencial e que eles só podem obter se preencherem um formulário, deixando seu nome, endereço de e-mail e outras informações que você julgue necessárias.

Para agilizar o processo e evitar o envio manual de emails – algo insustentável quando o banco de dados aumenta – você deve conectar os formulários do seu site a uma plataforma de automação de marketing.

Depois de obter seus primeiros leads, é necessário planejar estrategicamente não apenas o conteúdo dos e-mails que enviará a seus pacientes em potencial, mas também o tempo e a frequência com que enviará suas mensagens.

Inspiração no Instagram

Ilustração de paciente e terapeuta conversando - Marketing Digital para Psicólogos
Marketing Digital para Psicólogos: o Instagram é uma excelente ferramenta de promoção

Alguns exemplos de psicólogas/os para você seguir no Instagram e entender melhor como funciona as estratégias de marketing:

Ana Paula Gonçalves – @psicologa.a
A terapeuta da linha cognitivo-comportamental (TCC) oferece imagens acompanhadas de frases que provocam reflexão de maneira gentil e bem humorada. A conta promove o autoconhecimento, sempre levando em consideração o respeito e paciência que você deve ter consigo mesmo.

Luciana Borges – @psico.luciana
A psicopedagoga clínica mantem o foco em postagens humorísticas para alegrar o dia a dia. Se você deseja autorreflexão, o instagram da especialista é uma boa dica.

Fernanda Landeiro – @psi.fernanda.landeiro
Especializada em TCC, a conta da psicóloga traz textos sobre os variados temas, que envolvem questões existenciais, comportamentais, e emocionais. Seus textos têm como objetivo mudar alguns hábitos negativos dos leitores, a fim de otimizar o dia a dia.

Raphael Mello – @psicologo.raphaelmello
O psicólogo de linhagem analítica Junguiana foca seu conteúdo em postagens sóbrias, sendo a maioria delas destinadas a reflexões acerca dos sentimentos.

Marketing Humanizado

Essa maneira de fazer marketing é palavra de ordem e se encaixa perfeitamente na modalidade da psicologia. A estratégia considera todos os fatores como oportunidades para desenvolver uma ligação mais humana e menos hostil, mais relacionável e menos robótica com os seus pacientes em potencial.

É exatamente pela falta do marketing humanizado que algumas marcas não conseguem conquistar a confiança de seus compradores, apesar de publicarem bons conteúdos.

Pense um pouco sobre as marcas que você adora. Na maioria das vezes, serão aquelas que dominam essa arte. Colocar um toque humano no marketing digital pode tornar suas ações muito mais bem sucedidas. Ninguém quer interagir com um chatbot ou ler textos excessivamente técnicos que carecem de senso de humor.

Em conclusão

Psicólogo, agora que você viu que o marketing digital pode trazer grandes ganhos para a sua clínica ou consultório de terapia, o que está esperando para aderir e lotar sua agenda de pacientes? Utilizando uma integração das estratégias que apresentamos aqui, será possível alcançar um número muito maior de pessoas.